História da liberdade religiosa - livrariavozes
Buscar

Meu Carrinho ()

Finalizar Compra Continuar Comprando

História da liberdade religiosa

A liberdade no Ocidente muitas vezes é abordada apenas sob o seu aspecto social e político, mas a fé nas suas diversas expressões, o interesse transcendente, o elemento religioso que cala fundo na alma humana, quase sempre tiveram papel central nesse tão importante debate. Caso as várias doutrinas e instituições religiosas não tivessem feito parte da nossa história, muito daquilo que pensamos e decidimos talvez nem teria sido cogitado. Algumas das grandes oposições do imaginário moderno derivam dessa ascendência da religião sobre a cultura. Ortodoxia e heresia, ciência e religião, razão e fé, catolicismo e protestantismo, conformidade e dissidência, filosofia e teologia, fundamentalismo e secularização, dentre outras tantas tensões dialéticas, ajudaram a traçar as linhas de fronteira, bem como os debates, as definições e as tomadas de posições necessárias para a convivência, harmoniosa ou não, no mundo moderno. Filósofos – religiosos, sem religião ou antirreligiosos – frequentemente contribuíram para o debate sobre a natureza da fé, os limites do saber teológico e o lugar da religião na sociedade. Não poucas vezes, elucubrações metafísicas, investigações éticas e teorias políticas impactaram, seja a percepção pública, sejam as próprias posições das igrejas a respeito de temas doutrinais. Teólogos ou líderes espirituais propiciaram transformações da consciência coletiva, ora atuando sobre a doutrina, ora sobre a experiência de fé da população em geral. Embora a Reforma e o Iluminismo tenham posição de destaque nas histórias da filosofia ou da religião, nem sempre ficaram evidentes as conexões entre ambos e o debate fundamental sobre a natureza (metafísica) e sobre o lugar (ético e civil) da religião na vida dos indivíduos. É esta a lacuna que o presente estudo se propõe a preencher.

Ver mais informações

Por: R$ 65,00ou X de

Comprar
Adicionar ao carrinho

Calcule o frete e prazo de entrega.

Calcule o valor do frete e prazo de entrega para a sua região

Compartilhe:

Aproveite e Compre Junto

Detalhes do produto

Resumo

Sumário

Ficha técnica

Especificações

SumarioIntroducao, 13
Capitulo 1 | Raizes medievais e renascentistas da luta pela liberdade religiosa, 17
O problema da liberdade religiosa em face da suspeita de heresia, 17
Criticos gentis da Igreja: Francisco de Assis e Dante Alighieri, 26
Criticos radicais da Igreja de Roma: John Wycliffe, Jan Huss e Joana D’Arc, 34
Nicolau de Cusa: o cardeal filosofo, 48
Capitulo 2 | Nasce a Reforma, 52
Erasmo de Roterda, o ponto medio entre a Renascenca e a Reforma, 52
Martinho Lutero e a rebeliao que fraturou a Igreja, 59
A diversidade resultante do individualismo protestante: Karlstadt, Schwenckfeld,
Zwinglio, Franck, e os anabatistas, 64
Melanchthon e a Confissao de Augsburg, 71
Henrique VIII, Thomas Cranmer e as peculiaridades da Reforma inglesa, 73
Joao Calvino e Miguel de Servet: a Reforma regrada e a desregrada, 80
A Contrarreforma: o modo iberico de reformar, 85
A Transilvania sociniana; a ilha de tolerancia da Europa, 89
A Franca entre huguenotes e catolicos, 94
Giordano Bruno e seu universo do tamanho de Deus, 98
Capitulo 3 | O mundo moderno: religiao e ciencia reconfiguram sua relacao, 105
Francis Bacon e o nascimento do puritanismo ingles, 105
Descartes e Galileu; o moderno platonismo matematico e religioso, 109
Jakob Bohme e a explosao mistica da era da ciencia, 119
Choques politico-religiosos: A Guerra dos Trinta Anos e a Guerra Civil
Inglesa, 127
Jan Comenius e Blaise Pascal: duas expressoes peculiares da sintese entre
ciencia e religiao, 133
Robert Boyle e a criacao da Royal Society, 144
O papel decisivo de Espinosa no entendimento moderno da religiao, 149
Capitulo 4 | Despertar espiritualista na aurora do Iluminismo, 157
A “outra face” da Modernidade: os exemplos de George Fox, de John Milton e
do pietismo hallense, 157
A Franca se prepara para as luzes: Francois Fenelon, Pierre Bayle e o
pensamento frances da virada do seculo XVIII, 167
John Locke e Isaac Newton: os herois do Iluminismo, 174
Gottfried Wilhelm Leibniz, o filosofo que explicou como Deus cria
espiritos, 185
Primeiros passos do pensamento das Americas, 198
Capitulo 5 | A geracao de Voltaire, 207
Christian Wolff e o sistema Leibniz-Wolff, 207
Joseph Butler, os moralistas e George Berkeley nos primordios do iluminismo
ingles, 216
Voltaire, pai dos philosophes, 224
David Hume e a Igreja da Escocia, 237
A mudanca geral de mentalidades, 247
O Metodismo: evangelismo revolucionario, 255
Capitulo 6 | A Era das Luzes, 260
Diderot e a Enciclopedia, 260
Johan George Hamann, Moses Mendelssohn e Hermann S. Reimarus;
pensadores deslocados, 265
Emanuel Swedenborg, o visionario iluminista, 271
A segunda onda do sistema Leibniz-Wolff: a imortalidade da alma no centro
da investigacao filosofica, 277
Benjamin Franklin e a Revolucao Americana, 284
Gotthold Ephraim Lessing e a teologia racional, 294
Jean Jacques Rousseau e a Revolucao Francesa: da liberdade ao terror, 304
Epilogo, 321
Referencias bibliograficas, 323
ISBN9786557133828
Dimensoes16.0cm x 23.0cm x 1.6cm
Edicao1
NrPaginas344

especificação

AutorHumberto Schubert Coelho
Introdução, 13
Capítulo 1 | Raízes medievais e renascentistas da luta pela liberdade religiosa, 17
O problema da liberdade religiosa em face da suspeita de heresia, 17
Críticos gentis da Igreja: Francisco de Assis e Dante Alighieri, 26
Críticos radicais da Igreja de Roma: John Wycliffe, Jan Huss e Joana D’Arc, 34
Nicolau de Cusa: o cardeal filósofo, 48
Capítulo 2 | Nasce a Reforma, 52
Erasmo de Roterdã, o ponto médio entre a Renascença e a Reforma, 52
Martinho Lutero e a rebelião que fraturou a Igreja, 59
A diversidade resultante do individualismo protestante: Karlstadt, Schwenckfeld,
Zwinglio, Franck, e os anabatistas, 64
Melanchthon e a Confissão de Augsburg, 71
Henrique VIII, Thomas Cranmer e as peculiaridades da Reforma inglesa, 73
João Calvino e Miguel de Servet: a Reforma regrada e a desregrada, 80
A Contrarreforma: o modo ibérico de reformar, 85
A Transilvânia sociniana; a ilha de tolerância da Europa, 89
A França entre huguenotes e católicos, 94
Giordano Bruno e seu universo do tamanho de Deus, 98
Capítulo 3 | O mundo moderno: religião e ciência reconfiguram sua relação, 105
Francis Bacon e o nascimento do puritanismo inglês, 105
Descartes e Galileu; o moderno platonismo matemático e religioso, 109
Jakob Böhme e a explosão mística da era da ciência, 119
Choques político-religiosos: A Guerra dos Trinta Anos e a Guerra Civil
Inglesa, 127
Jan Comenius e Blaise Pascal: duas expressões peculiares da síntese entre
ciência e religião, 133
Robert Boyle e a criação da Royal Society, 144
O papel decisivo de Espinosa no entendimento moderno da religião, 149
Capítulo 4 | Despertar espiritualista na aurora do Iluminismo, 157
A “outra face” da Modernidade: os exemplos de George Fox, de John Milton e
do pietismo hallense, 157
A França se prepara para as luzes: François Fénelon, Pierre Bayle e o
pensamento francês da virada do século XVIII, 167
John Locke e Isaac Newton: os heróis do Iluminismo, 174
Gottfried Wilhelm Leibniz, o filósofo que explicou como Deus cria
espíritos, 185
Primeiros passos do pensamento das Américas, 198
Capítulo 5 | A geração de Voltaire, 207
Christian Wolff e o sistema Leibniz-Wolff, 207
Joseph Butler, os moralistas e George Berkeley nos primórdios do iluminismo
inglês, 216
Voltaire, pai dos philosophes, 224
David Hume e a Igreja da Escócia, 237
A mudança geral de mentalidades, 247
O Metodismo: evangelismo revolucionário, 255
Capítulo 6 | A Era das Luzes, 260
Diderot e a Enciclopédia, 260
Johan George Hamann, Moses Mendelssohn e Hermann S. Reimarus;
pensadores deslocados, 265
Emanuel Swedenborg, o visionário iluminista, 271
A segunda onda do sistema Leibniz-Wolff: a imortalidade da alma no centro
da investigação filosófica, 277
Benjamin Franklin e a Revolução Americana, 284
Gotthold Ephraim Lessing e a teologia racional, 294
Jean Jacques Rousseau e a Revolução Francesa: da liberdade ao terror, 304
Epílogo, 321
Referências bibliográficas, 323

Avaliações do Produto

Dúvidas dos consumidores

Quem viu, viu também