Modernismo como movimento cultural (O) - livrariavozes
Buscar

Meu Carrinho ()

Finalizar Compra Continuar Comprando

Modernismo como movimento cultural (O)

Pensamentear foi como Mário de Andrade descreveu a junção entre seu pensamento e ação de escritor que, lutando pela democratização da cultura, buscava reinventar o Brasil. André Botelho e Maurício Hoelz reveem esta práxis a partir do campo musical, o mais heurístico na trajetória desse homem de múltiplos talentos. Um entre lugar de fala-escuta – política de reconhecimento que liga o lugar de fala ao de escuta do outro – em que se forja uma ética dialógica e democrática do aberto e do inacabado. Sociologicamente reposicionado, o Modernismo passa a ser visto como movimento cultural: uma ação coletiva que disputa o controle cultural pela mudança da sociedade. Mário de Andrade, nosso contemporâneo.(Da obra)

Ver mais informações

Por: R$ 75,00ou X de

Comprar
Adicionar ao carrinho

Calcule o frete e prazo de entrega.

Calcule o valor do frete e prazo de entrega para a sua região

Compartilhe:

Aproveite e Compre Junto

Detalhes do produto

Resumo

Sumário

Ficha técnica

Especificações

SumarioMario de Andrade em movimento, 9
1 Combater o bom combate, 25
2 Polifonica militancia, 53
3 Brasil trezentos, trezentos e cinquenta, 87
4 Macunaima contra a Antropofagia, 115
5 O Estado Novo contra a democracia, 147
6 Projeto interrompido, 173
7 O self modernista, 201
Aberto, inacabado, em movimento, 231
Bibliografia, 243
Posfacio (Andre Veiga Bittencourt), 259
ISBN9786557133668
Dimensoes16.0cm x 23.0cm x 1.3cm
Edicao1
NrPaginas272

especificação

AutorAndre Botelho, Mauricio Hoelz,
Mário de Andrade em movimento, 9
1 Combater o bom combate, 25
2 Polifônica militância, 53
3 Brasil trezentos, trezentos e cinquenta, 87
4 Macunaíma contra a Antropofagia, 115
5 O Estado Novo contra a democracia, 147
6 Projeto interrompido, 173
7 O self modernista, 201
Aberto, inacabado, em movimento, 231
Bibliografia, 243
Posfácio (Andre Veiga Bittencourt), 259

Avaliações do Produto

Dúvidas dos consumidores

Quem viu, viu também