Buscar

Meu Carrinho ()

Finalizar Compra Continuar Comprando

Crise

As categorias crise, espiritualidade, consagração, política e contemplação abordadas neste livro se mostram fecundas para enfrentarmos os desafios do tempo presente. Mais e mais fica claro que precisamos de uma nova experiência espiritual para estabelecer novos valores que fundem novo paradigma de civilização, agora planetário e válido para toda a família humana.

Ver mais informações

Por: R$ 60,70ou X de

Comprar
Adicionar ao carrinho

Calcule o frete e prazo de entrega.

Calcule o valor do frete e prazo de entrega para a sua região

Compartilhe:

Aproveite e Compre Junto

Detalhes do produto

Resumo

Sumário

Ficha técnica

Especificações

SumarioPrefacio, 11
PRIMEIRA PARTE
A CRISE DE NOSSO TEMPO: RISCOS E
OPORTUNIDADES, 13
I. Crise: ou mudamos, ou morremos, 15
1. O principio de autodestruicao, 15
2. O principio cosmico de cooperacao, 17
II. O significado da crise para a vida e para a
cultura, 19
1. A fenomenologia da crise: morrer e
ressuscitar, 19
2. Que e afinal a crise?, 26
3. Crise como estrutura fundamental da
vida, 29
4. A fe como crise para a teologia, 42
5. A teologia como crise para a religiao, 46
6. Comportamentos humanos diante da
crise, 49
7. Conclusao: “Todas as coisas grandes
acontecem no turbilhao”, 54
SEGUNDA PARTE
ESPIRITUALIDADE COMO RESPOSTA A CRISE, 57
I. Espiritualidade: dimensao necessaria e
esquecida, 59
1. Visao convencional de espiritualidade, 59
2. Visao holistica de espiritualidade, 60
3. Espiritualidade como dimensao
antropologica, 64
II. Carisma: forca cosmica e espiritual, 68
1. Somos Terra que anda e danca, 69
2. O caos generativo, 70
3. O cotidiano e a imaginacao, 71
4. Cristo e carisma, 72
III. A vida espiritual como caminho, 75
1. Caminho como per-curso, 76
2. Caminho como um caminhar, 79
3. Caminhando se faz caminho, 80
IV. Dois projetos de vida: o espirito e a carne, 82
1. Fe e condicao humana, 82
2. Duas opcoes fundamentais: viver segundo
a carne ou viver segundo o espirito, 86
3. A coexistencia da carne no espirito e do
espirito na carne, 90
4. “Escolhe a vida e viveras”, 91
5. O espirito que ressuscita a carne, 93
6. O sentido fundamental da vida: ser Deus
por participacao, 95
7. Aprendendo a ser, 96
TERCEIRA PARTE
ESPIRITUALIDADE E VIDA RELIGIOSA, 97
I. Os caminhos da vida religiosa, 99
1. Vida religiosa e Igreja local: redefinicao
das estruturas e do voto de obediencia, 99
2. Vida religiosa e sociedade: redefinicao da
fraternidade e do voto de castidade, 102
3. Vida religiosa e submundo dos pobres:
redefinicao da missao e do voto de pobreza, 105
II. Dimensoes permanentes da vida religiosa, 113
1. Experiencia de Deus no seguimento de
Jesus Cristo, 113
2. Consagracao como reserva e como missao,
115
3. O carater publico dos votos, 116
4. A insercao na Igreja local e no submundo
dos pobres, 118
5. Vida em fraternidade aberta, 119
III. Desafios emergentes para a vida religiosa, 121
1. Conhecimento da realidade e missao
religiosa, 121
2. Carisma especifico e insercao pastoral, 122
3. Contribuicao especifica da vida religiosa
no processo de libertacao, 124
4. Redefinicao das obras tradicionais, 125
5. Aprofundamento da espiritualidade de
libertacao, 127
IV. A estrutura antropologica dos votos: um voto em tres, 129
1. O problema dos votos nao esta nos votos, 129
2. Um unico voto radical: a consagracao a
Deus, 130
3. Os tres votos detalham o unico voto de
consagracao, 134
4. O conteudo essencial dos votos: o
senhorio de Deus, 140
5. Conclusao: mais que professar e viver a
consagracao, 146
V. Realizacao pessoal e obediencia, 147
1. Que e realizacao pessoal: representacao e
realidade, 147
2. A vida situada: caminho para a realizacao
pessoal, 154
3. Autorrealizacao pessoal e as cruzes da
vida, 160
4. A parabola do boneco de sal, 162
5. Obediencia como audiencia de Deus, 165
6. Conclusao: o fim do caminho e
caminhar, 166
QUARTA PARTE
ESPIRITUALIDADE, POLITICA E
CONTEMPLACAO,169
I. Fe e politica: suas implicacoes, 171
1. Politica social e politica partidaria, 171
2. O que a Biblia diz da politica, 174
3. A Fe e sua dimensao politica, 176
4. Relacao entre fe e politica, 177
5. Conclusao: a memoria perigosa de Jesus, 184
II. Libertacao e vida religiosa, 185
1. Nexo entre libertacao, comunhao e
participacao, 186
2. Libertacao: tema da Igreja
latino-americana e universal, 186
3. Teologia da libertacao: critica e animacao
de praticas, 196
4. Contribuicao da vida religiosa ao processo
de libertacao, 201
III. Mistica e politica: contemplativos na
libertacao, 213
1. O choque espiritual: o encontro com Deus
na classe pobre, 213
2. A diferenca espiritual: a sintese
oracao-libertacao, 215
3. Paixao por Deus na paixao pelo
empobrecido, 219
4. Caracteristicas da espiritualidade de
libertacao, 223
Conclusao: do casulo a borboleta, 229
ISBN9788532624505
Dimensoes12.0cm x 19.5cm x 1.2cm
IdiomaPortugues
Edicao1
NrPaginas240

especificação

EditoraEditora Vozes
AutorLeonardo Boff,
Prefácio, 11
PRIMEIRA PARTE
A CRISE DE NOSSO TEMPO: RISCOS E
OPORTUNIDADES, 13
I. Crise: ou mudamos, ou morremos, 15
1. O princípio de autodestruição, 15
2. O princípio cósmico de cooperação, 17
II. O significado da crise para a vida e para a
cultura, 19
1. A fenomenologia da crise: morrer e
ressuscitar, 19
2. Que é afinal a crise?, 26
3. Crise como estrutura fundamental da
vida, 29
4. A fé como crise para a teologia, 42
5. A teologia como crise para a religião, 46
6. Comportamentos humanos diante da
crise, 49
7. Conclusão: “Todas as coisas grandes
acontecem no turbilhão”, 54
SEGUNDA PARTE
ESPIRITUALIDADE COMO RESPOSTA À CRISE, 57
I. Espiritualidade: dimensão necessária e
esquecida, 59
1. Visão convencional de espiritualidade, 59
2. Visão holística de espiritualidade, 60
3. Espiritualidade como dimensão
antropológica, 64
II. Carisma: força cósmica e espiritual, 68
1. Somos Terra que anda e dança, 69
2. O caos generativo, 70
3. O cotidiano e a imaginação, 71
4. Cristo e carisma, 72
III. A vida espiritual como caminho, 75
1. Caminho como per-curso, 76
2. Caminho como um caminhar, 79
3. Caminhando se faz caminho, 80
IV. Dois projetos de vida: o espírito e a carne, 82
1. Fé e condição humana, 82
2. Duas opções fundamentais: viver segundo
a carne ou viver segundo o espírito, 86
3. A coexistência da carne no espírito e do
espírito na carne, 90
4. “Escolhe a vida e viverás”, 91
5. O espírito que ressuscita a carne, 93
6. O sentido fundamental da vida: ser Deus
por participação, 95
7. Aprendendo a ser, 96
TERCEIRA PARTE
ESPIRITUALIDADE E VIDA RELIGIOSA, 97
I. Os caminhos da vida religiosa, 99
1. Vida religiosa e Igreja local: redefinição
das estruturas e do voto de obediência, 99
2. Vida religiosa e sociedade: redefinição da
fraternidade e do voto de castidade, 102
3. Vida religiosa e submundo dos pobres:
redefinição da missão e do voto de pobreza, 105
II. Dimensões permanentes da vida religiosa, 113
1. Experiência de Deus no seguimento de
Jesus Cristo, 113
2. Consagração como reserva e como missão,
115
3. O caráter público dos votos, 116
4. A inserção na Igreja local e no submundo
dos pobres, 118
5. Vida em fraternidade aberta, 119
III. Desafios emergentes para a vida religiosa, 121
1. Conhecimento da realidade e missão
religiosa, 121
2. Carisma específico e inserção pastoral, 122
3. Contribuição específica da vida religiosa
no processo de libertação, 124
4. Redefinição das obras tradicionais, 125
5. Aprofundamento da espiritualidade de
libertação, 127
IV. A estrutura antropológica dos votos: um voto em três, 129
1. O problema dos votos não está nos votos, 129
2. Um único voto radical: a consagração a
Deus, 130
3. Os três votos detalham o único voto de
consagração, 134
4. O conteúdo essencial dos votos: o
senhorio de Deus, 140
5. Conclusão: mais que professar é viver a
consagração, 146
V. Realização pessoal e obediência, 147
1. Que é realização pessoal: representação e
realidade, 147
2. A vida situada: caminho para a realização
pessoal, 154
3. Autorrealização pessoal e as cruzes da
vida, 160
4. A parábola do boneco de sal, 162
5. Obediência como audiência de Deus, 165
6. Conclusão: o fim do caminho é
caminhar, 166
QUARTA PARTE
ESPIRITUALIDADE, POLÍTICA E
CONTEMPLAÇÃO,169
I. Fé e política: suas implicações, 171
1. Política social e política partidária, 171
2. O que a Bíblia diz da política, 174
3. A Fé e sua dimensão política, 176
4. Relação entre fé e política, 177
5. Conclusão: a memória perigosa de Jesus, 184
II. Libertação e vida religiosa, 185
1. Nexo entre libertação, comunhão e
participação, 186
2. Libertação: tema da Igreja
latino-americana e universal, 186
3. Teologia da libertação: crítica e animação
de práticas, 196
4. Contribuição da vida religiosa ao processo
de libertação, 201
III. Mística e política: contemplativos na
libertação, 213
1. O choque espiritual: o encontro com Deus
na classe pobre, 213
2. A diferença espiritual: a síntese
oração-libertação, 215
3. Paixão por Deus na paixão pelo
empobrecido, 219
4. Características da espiritualidade de
libertação, 223
Conclusão: do casulo à borboleta, 229

Avaliações do Produto

Dúvidas dos consumidores